Alzheimer – Saiba os sintomas de cada fase

Alzheimer - Clínicas Parque das Palmeiras

O Alzheimer é um problema neurodegenerativo que progride conforme o passar do tempo, ocorrendo a deterioração cognitiva e das memórias de curto prazo, além disso, apresenta diversos sintomas que devem ser considerados um alerta desde o seu início. O diagnóstico precoce é de suma importância na luta contra o mal de Alzheimer, já que quanto mais cedo a doença for diagnosticada, haverão mais tratamentos e maneiras de retardar o avanço da doença, pois ela se agrava com o progredir da demência.
Diferente do que muitos pensam, o Alzheimer não aparece apenas em pessoas idosas, mas também surge em jovens, podendo aparecer por volta de 30 anos de idade, o que denomina-se “Alzheimer precoce”. Continue a leitura para saber como identificar essa demência logo em seu início!

Principais sintomas
Antes de listarmos os principais sinais, é importante ressaltar que os sintomas podem variar de acordo com o estágio da doença. Na fase inicial, podemos destacar:

  • Alterações na memória;
  • Dificuldade de lembrar de acontecimentos que aconteceram recentemente, esses acontecimentos podem ser coisas simples como onde a pessoa guardou algum objeto, esquecer nome de pessoas e locais, entre outros;
  • Perda de interesse em fazer atividades que no passado gostava muito de fazer;
  • Assim como a perda de interesse em atividades, a pessoa tende a perder a vontade de fazer atividades simples de sua rotina;
  • Quem está com o problema na fase inicial tende a ter uma desorientação no espaço e no tempo, não sabendo em qual dia está, seu endereço, entre outros;
  • Mudança de comportamentos, ficando mais nervoso e podendo apresentar crises de ansiedade ou agressividade;
  • Dificuldade e demora para decidir coisas simples, como o que deve comer, comprar, entre outros;
  • Como a mudança de comportamento citada acima, a pessoa também pode apresentar alterações em seu humor.

É importante destacar que na fase inicial do Alzheimer, a pessoa pode se lembrar normalmente de situações que ocorreram no passado, as alterações acontecem em sua memórias mais recentes, o que pode dificultar a percepção de que o problema em questão pode se tratar de Alzheimer.

Os sintomas que vamos citar a seguir são os sinais da fase em que o idoso pode se tornar muito dependente de sua família, já que há comprometimentos e confusões mentais que fazem com que ele não consiga realizar tarefas simples como tomar banho, trocar de roupa, dormir e pode haver até mesmo dificuldade para andar. Os sintomas da fase moderada que podem ser destacados são:

  • Dificuldade para realizar tarefas simples como limpar a casa, cozinhar, tomar banho, entre outros. Podendo haver situações onde a pessoa esquece o fogão ligado, não consegue fazer sua higiene pessoal, usando objetos errados para limpar a casa, esquecendo de trocar roupa, etc;
  • Dificuldade de se comunicar com outras pessoas, esquecendo palavras de seu vocabulário e falando coisas que parecem que não tem sentido;
  • Assim como a dificuldade para falar, a pessoa também apresenta dificuldades para escrever;
  • Alterações no comportamento também ocorrem na fase moderada do Alzheimer, podendo deixar a pessoa em extremos como muito agitado ou excessivamente quieto e calado;
  • Alterações no sono;
  • A pessoa pode ter alucinações e ouvir coisas que não foram ditas e até mesmo ver coisas que não existem.

No último estágio, que é o avançado, os sintomas são:

  • Esquecer dos familiares e amigos, mesmo que sejam próximos, o idoso pode não reconhecer seus rostos e nem lembrar de seus nomes;
  • Não memoriza informações novas e nem lembra de coisas antigas;
  • Apresenta dificuldade de engolir alimentos;
  • Dificuldade em entender as coisas que acontecem em sua volta;
  • Dificuldade para se locomover;
  • Perder a habilidade de fazer movimentos simples;
  • Corre o risco de ter incontinência urinária, entre outros.

Como dito no início, o diagnóstico precoce é indispensável para que sejam feitos tratamentos que retardem o avanço da demência. Se você alguns dos sintomas da fase inicial ou conhece alguém que está sentindo, não exite em procurar ajuda médica. Consulte-se com um neurologista ou geriatra.
Nas Clínicas Parque das Palmeiras você encontra profissionais excelentes por preços acessíveis. Agende sua consulta pelo número (91) 3205-0060. Teremos o prazer em atender!