Retinoblastoma, Conheça os principais sintomas

Retinoblastoma - Clínicas Parque das Palmeiras

Você já ouviu falar sobre a Retinoblastoma? Doença pouco conhecida, a Retinoblastoma é um câncer ocular raro que se origina nas células da retina e pode afetar um olho ou os dois olhos, geralmente o tumor maligno manifesta – se no início da infância das crianças até 5 anos e  também pode  estar presente no nascimento ou em lactantes. A incidência do câncer Retinoblastoma é considerada raro e por isso, hoje as Clínicas Parque das Palmeiras conversa mais sobre esta doença que acomete as crianças para que você fique informado e saiba reconhecer os principais sintomas dessa doença não tão conhecida e nem falada.

Como este câncer costuma acometer crianças de até 5 anos de idade é primordial para os pais/ adultos responsáveis que observem as crianças pois nessa fase inicial as crianças não conseguem manifestar sinais claros que estão sentindo algo estranho em seu corpo. Normalmente, a doença só é diagnosticada quando os adultos percebem sinais de estrabismo. Agora que sabemos o que é o Retinoblastoma e quem ele acomete, vamos listar os principais sintomas deste tumor para que os adultos fiquem atentos:

  • Principais Sintomas: 
  • O sinal mais aparente da Retinoblastoma é chamado de Leucoria (também conhecido pelo termo “Olho de Gato”)  que manifesta- se como um reflexo branco instaurado na pupila, é perceptível quando a pupila está dilatada, em fotos e luzes artificiais se colocadas em cima do olho e indica que esta mancha está impedindo a passagem de luz, sem esta incidência da luz para o cérebro acontece uma atrofiação das vias ópticas e elas não se desenvolvem. A leucoria costuma ser o sinal mais perceptível e também é o mais avançado da doença, por isso se faz importante analisar outros sinais mais comuns que também podem indicar Retinoblastoma, sendo eles:
  • estrabismo, olhos aparentemente saudáveis mas que refletem sempre a cor vermelha, globo ocular com deformidades, dores oculares, redução da visão em um dos olhos, sensibilidade à luz, conjuntivites e inflamações gerais.

Esses são alguns dos principais sintomas que manifestam se nessa doença , Sabemos que obter diagnósticos precoces para qualquer doença possibilita maiores chances de eficiência no tratamento e cura das doenças, então  agora vamos conhecer como funciona o diagnóstico dela?  

  • O diagnóstico do câncer Retinoblastoma, pode ser realizado por um neonatologista sendo feito o teste do olhinho (este deve ser realizado com frequência até as idade de 5 anos, e ajuda a identificar alterações na vista e suspeitas de tumores)  na maternidade, mas também ocorre de ser mais comum de ser diagnosticado em exames de rotina no oftalmologista e quando os responsáveis notam algo diferente nos olhos  da criança.
  • Para diagnóstico preciso da doença são realizados o levantamento do histórico familiar da criança, uma ultrassonografia orbital é realizada de tipo TC ou Rm orbital

O tratamento da Retinoblastoma dá-se em realizações de quimioterapias, radioterapias e tratamentos oftalmológicos com a inclusão de lasers. Se o diagnóstico for positivo para a doença é  de suma importância que todo o tratamento seja acompanhado por médicos especialistas como Oftalmologistas pediátricos e  oncologista pediátricos já experientes em casos de Retinoblastoma. Em muitos casos a retinoblastoma é uma doença com altas possibilidades de cura, por isso é importante manter uma observação e ficar atento caso note algo de diferente na criança, além de buscar realizar exames de rotina com frequência na criança e nos responsáveis, procurar conhecer o histórico familiar também é de suma importância para eficiência no diagnóstico e tratamento da retinoblastoma. Cuide de quem você ama e fique atento aos sinais para obter um diagnóstico preciso e com antecedência. 

       Clínicas Parque Das Palmeiras

  • Cuidando da sua saúde!
  • (91) 3205 3500 (WhatsApp)
  • Nos acompanhe na rede social instagram: @clinicasparquedaspalmeiras