Saiba como aumentar a produção de leite materno

Amamentação - Clínicas Parque das Palmeiras Amazon

Na gestação é muito comum surgir dúvidas das futuras mamães acerca da amamentação, principalmente preocupações constantes sobre ter uma baixa produção de leite materno após o nascimento do bebê. No início da amamentação pode surgir dúvidas se o bebê realmente está tendo a nutrição de que precisa, na maior parte dos casos existe uma variação na quantidade de produção do leite materno em cada mulher é sempre recomendado que você tenha contato frequente com seus médicos para solucionar e tirar todas as dúvidas existentes. Nos bebês, alguns sinais de baixa alimentação do leite podem representar uma falta de ganho de peso e pouca troca de fraldas, esses casos, às vezes, independem da produção de leite materno mas podem estar ligados a uma pega incorreta do bebê. Todavia, nos casos em que realmente a produção de leite materno é baixa, existem algumas dicas simples que podem ajudar a aumentar a produção. Hoje, no blog das Clínicas Parque das Amazon você confere uma conversa e dicas sobre como aumentar a produção do leite materno. De início, é importante você saber o que pode afetar a produção de leite materno antes de conferir as dicas de como aumentar a produção. Confira mais na leitura:

Se o bebê não estiver se alimentando de forma adequada e suficiente, é provável que a problemática esteja na pega incorreta do bebe como citamos acima. Mas também, existem alguns elementos e fatores que podem influenciar na diminuição, sendo eles:

  • Não realizar a amamentação na frequência correta e suficiente ( médicos recomendam a amamentação que a amamentação acontece de oito a doze vezes por dia)
  • O uso de certos medicamentos que contenham pseudoefedrina ou o uso de contraceptivos hormonais 
  • Ter dado a luz a um bebê recém nascido
  • Pressão alta que foi induzida pela gravidez
  • Ter realizado ou passado por cirurgia nas mamas 
  • Obesidade
  • Diabetes com dependência de insulina
  • Ter demora e esperar para realizar a amamentação ( o indicado é tentar amamentar até uma hora após o parto, se for possível) 

Esses são alguns dos fatores que podem influenciar na baixa produção de leite. Agora que você já sabe alguns dos fatores que contribuem para a baixa produção de leite materno, confira mais na leitura algumas dicas de como aumentar a produção de leite materno:

  1. Realize a amamentação com frequência 

É indicado que a amamentação aconteça de 8 a 12 vezes por dia, essas mamadas frequentes e o anseio do bebê podem estimular os seios a produzir mais leite

    2.  Ingerir alimentos que estimulam a produção de leite 

Alguns estudos realizados por especialistas relatam que alguns alimentos podem estimular a produção do leite materno, sendo estes: aveia, gengibre, alfafa, cereais e alho. Adquira o hábito de consumir estes alimentos diariamente e consulte um médico antes dessa implementação para ser mais assertiva e adequada para você e seu bebê. 

   3.  Relaxe e tente aproveitar o momento 

Relaxar e tentar aproveitar o momento, como admirar o bebê podem ajudar no estímulo e liberação de hormônios na corrente que consequentemente ajudarão no aumento da produção de leite materno.

Essas são algumas dicas simples que ajudam no aumento e estímulos para a produção do leite materno, não se preocupe, se sentir que sua produção está baixa consulte um médico, existem maneiras para aumentá-la. 

Gostou de saber mais sobre esse conteúdo? Confira outros artigos em nosso blog e nos siga nas redes sociais e nos acompanhe: @clinicasparquedaspalmeiras Precisando de um médico? Nas Clínicas Parque das Palmeiras Amazon você se consulta com profissionais qualificados por um preço bem acessível! Agende agora: 

(91) 3277-7000 ( WhatsApp 24 horas)

(91) 3205-0060 ( ligações em horário comercial)

(91) 8139-2500 ( Nosso canal no Telegram) 

Adquira também seu plano familiar e tenha assistência familiar em todos os momentos com o Grupo Parque das Palmeiras Amazon e 25% de desconto em consultas e exames nas Clínicas Parque das Palmeiras: (91) 3277-7000 (WhatsApp)

Nos siga nas redes sociais: @parquedaspalmeirasgrupo