Fique de olho! Saiba reconhecer um AVC.

AVC - Clínica Parque das Palmeiras

Você sabia que o AVC ( acidente vascular cerebral) é a doença que ocupa o segundo lugar nas principais causas de mortes no mundo? O AVC, conhecido também por grande parte da população pelo termo “Derrame Cerebral” pode ser divido em dois tipos: AVC isquêmico (AVCI) e hemorrágico (AVCH). O primeiro acontece quando uma artéria é bloqueada e impede o caminho do oxigênio para as células cerebrais, o segundo ocorre quando um vaso sanguíneo do cérebro se rompe e provoca uma hemorragia interna. Apesar da doença ser mais comum em idosos é importante lembrar que o AVC não escolhe idade e pode acontecer também entre jovens, adultos e em qualquer momento da vida.
Por isso, As Clínicas Parque das Palmeiras separou para você as principais informações da doença e também vamos listar alguns dos sintomas mais comuns com o intuito de te ajudar e te informar para que esses sintomas sejam identificados e conhecidos de modo mais rápido possível.
Então, vamos começar abordando sobre os Principais Sintomas de um AVC:

– Desequilíbrio e tontura
– Dores de cabeças agudas que surgem de maneira repentina
– Dificuldade para caminhar
– Náuseas e vômitos
– Problema na fala
– Dificuldade para engolir
– Perda da consciência
– Problemas na coordenação motora
– Perda repentina da visão

Ainda que esses sejam os sintomas mais comuns, fique atento, pois o AVC também pode se manifestar de forma repentina e silenciosa sem aviso prévio desses sintomas mais aparentes. Você sabia que também pode identificar os sintomas fazendo um simples teste chamado S.A.M.U?
– S de sorriso: peça para a pessoa e analise se um lado do rosto não se mexe
– A de abraço: peça um abraço para a pessoa e veja a coordenação motora dela
– M de música: peça para a pessoa repetir a letra de uma música e analise a fala
– U de urgência: se identificado esses sinais procure atendimento com urgência.

A identificação rápida dos sintomas é muito importante para o diagnóstico e o tratamento adequado da doença.

 Existe uma relação direta entre a demora para descobrir e o surgimento dos sintomas se o início do tratamento acontecer de forma tardia, maior será a lesão no cérebro. Sendo assim, nós separamos uma lista sobre os principais fatores de risco que aumentam a ocorrência dessa doença, sendo eles:
– Diabetes
– Obesidade
– Sedentarismo
– Tabagismo
– Pressão Alta
– Consumo de álcool em excesso
– Doenças cardíacas
– Uso de drogas ilícitas
– Colesterol alto

Agora que você já ficou sabendo os principais fatores de risco que podem causar o derrame cerebral, o que podemos fazer para nos cuidar e prevenir essa doença? Aqui o nosso grupo separou em 6 passos dicas para te auxiliar na prevenção de um AVC:
– 1 passo:
Adquirir hábitos mais saudáveis, fazendo uma reeducação alimentar no dia a dia para manter um cardápio saudável que vai contribuir na prevenção de diversas doenças.
– 2 passo:
 Examinar e controlar os níveis de colesterol, pressão alta e glicemia.
– 3 passo:
Praticar atividades físicas com certa frequência para manter uma boa saúde
– 4 passo:
 Parar de Fumar, o tabagismo é uma das principais mortes que podem ser evitadas por você mesmo
– 5 passo:
Manter o peso ideal, controlando o excesso de gordura corporal
– 6 passo:
 Adquirir o hábito de beber bastante água para manter o corpo hidratado e auxiliar no combate de várias doenças.

Depois de ver e analisar esses passos de prevenção, você pode notar que a adequação de hábitos mais saudáveis na vida diária é primordial para a prevenção do AVC. Afinal, não é incomum que a doença aconteça mais de uma vez. Não deixe de cuidar da sua saúde! Precisando de um Neurologista? Nas Clínicas Parque das Palmeiras você se consulta com profissionais qualificados por preço bem acessíveis. Agende sua consulta pelo número: (91) 3205 – 0060 (WhatsApp)

Clínicas Parque das Palmeiras.

Fonte:

https://antigo.saude.gov.br/saude-de-a-z/acidente-vascular-cerebral-avc

https://www.einstein.br/neurologia/avc